Sobre a AEPDV

Associação das Empresas
Produtoras e Distribuidoras de Videojogos

A Associação das Empresas Produtoras e Distribuidoras de Videojogos (AEPDV) é a associação portuguesa exclusivamente dedicada à representação das empresas que produzem e distribuem videojogos para consolas, computadores, mobile e Internet.

Com um consumo médio estimado em mais de 20 mil milhões de Euros, os videojogos são o sector da indústria de conteúdos com maior crescimento na Europa. Com este crescimento, surgiu a necessidade de existência de um organismo em Portugal capaz de impulsionar a indústria dos videojogos nos seus diversos vetores, servindo em simultâneo como interface de sensibilização para todos os assuntos de interesse público relacionados com os videojogos.
Assim, no âmbito das suas competências, a AEPDV definiu quatro objetivos institucionais fundamentais.

Criar relações institucionais com a administração pública para a criação de programas e iniciativas para a promoção e desenvolvimento de uma indústria local de videojogos, capaz de gerar riqueza e emprego.

Defender os interesses de todos os agentes envolvidos na cadeia de valor dos videojogos, providenciando consultoria em questões legislativas.

Garantir um modelo sustentável para o setor, que defenda a propriedade intelectual e a equidade na forma de produzir, distribuir e comercializar videojogos, quer no mercado físico, quer no digital.

Gerar uma projeção positiva em torno da rica natureza cultural e inovadora do setor, promovendo o consumo pluralizado e atitude responsável nos consumidores e sensibilizando-os para temáticas como o Controlo Parental e o
 Sistema de Classificação PEGI (#SABERJOGAR).

Desenvolver relações institucionais com a administração pública para a criação de programas e iniciativas para a promoção e desenvolvimento de uma indústria local de videojogos, capaz de gerar riqueza e emprego.

Defender os interesses de todos os agentes envolvidos na cadeia de valor da área dos videojogos, providenciando consultoria em questões legislativas.

Garantir um modelo sustentável para o setor, que defenda a propriedade intelectual e a equidade na forma de produzir, distribuir e comercializar videojogos, quer no mercado físico, quer no digital.

Gerar uma projeção positiva em torno da rica natureza cultural e inovadora do setor, promovendo o seu consumo pluralizado e atitude responsável nos consumidores e sensibilizando-os para temáticas como o Controlo Parental e o
 Sistema de Classificação PEGI (#SABERJOGAR).

Descubra a ISFE e todas as suas iniciativas, programas e estudos.

Desde 1998 que a ISFE (Interactive Software Federation of Europe), da qual a AEPDV é membro, assegura que a voz de um ecossistema de videojogos responsável seja ouvida e compreendida, que o seu potencial criativo e económico seja apoiado e comemorado, e que os jogadores de todo o mundo continuem a desfrutar de ótimas experiências de jogo.
Os compromissos da ISFE para com todos aqueles que estão envolvidos na cadeia de valor de videojogos, quer sejam produtoras ou consumidores finais são:

Servir o ecossistema de videojogos da Europa, representando os interesses das editoras e produtoras dos videojogos mais bem-sucedidos, criativos e inovadores da Europa – e do mundo – e garantir que a diversidade, a habilidade e o talento criativo possam continuar a crescer na Europa.

Continuar, com base no histórico comprovado da indústria de videojogos em relação à proteção de menores, na vanguarda e elevar a fasquia na autorregulação harmonizada e na jogabilidade responsável. O PEGI é um sistema de autorregulação pan-europeu de sucesso, implantado em 38 países europeus.

Aumentar a consciencialização e a compreensão dos videojogos e dos seus benefícios de valor agregado para a sociedade e para a estratégia digital da Europa.

Através do envolvimento ativo e diálogo com os legisladores, a ISFE pretende ajudar a contribuir para o desenvolvimento de regulamentação de políticas inteligentes e de projetos inovadores que libertem todo o potencial dos videojogos para enriquecer a vida quotidiana de milhões de europeus.

Ser um fornecedor confiável de dados estratégicos sobre a economia e a demografia do ecossistema de videojogos em toda a Europa.

Em parceria com a rede de associações de videojogos nacionais em 18 territórios da Europa, a ISFE promove a harmonização regulatória e representação eficaz do ecossistema de videojogos em toda a Europa. Ideias, iniciativas e práticas de excelência locais são compartilhadas e ampliadas entre os membros e as partes interessadas.

Notícias

Setembro 8, 2022

Fatores chave do ano de 2021

A popularidade dos videojogos continua a aumentar, ao passo que as mulheres e a geração entre os 45-65 anos os responsáveis por este crescimento. A ISFE e a EGDF apresentam […]
Junho 23, 2022

A associação portuguesa de videojogos, AEPDV, lança um guia completo para os esports.

“O Guia para os Esports” – tudo aquilo que alguma vez precisou de saber acerca dos videojogos na sua vertente competitiva: o seu impacto global, a importância da propriedade intelectual […]
Março 10, 2022

Programa #SaberJogar

A AEPDV, associação que representa a indústria dos videojogos em Portugal, junta-se à iniciativa Dia da Internet Mais Segura através do seu programa #SABERJOGAR. Para uma maior sensibilização pública quanto […]
Dezembro 17, 2021

Jogabilidade responsável – #SABERJOGAR

A AEPDV, associação representante da indústria dos videojogos em Portugal, lança uma campanha pré natalícia denominada de #SaberJogar. Em colaboração com a associação europeia de videojogos, ISFE, para aumentar a […]
Outubro 15, 2021

Sistema de classificação etária PEGI é oficialmente adotado em Portugal

Durante a Presidência Portuguesa na União Europeia a IGAC, organismo público responsável pela regulação das atividades culturais em Portugal, reconhece oficialmente o PEGI, Sistema de Classificação Etária para os Videojogos, […]

Associados